Como podemos ajudar você?

Tecnologia e sustentabilidade na construção de cidades inteligentes

Os vereadores e as vereadoras que integram a Comissão de Estudos para a Criação de um Plano de Cidade Inteligente (Smart City) para a capital paulista se reuniram presencialmente e de forma virtual no Plenário 1° de Maio, na tarde desta segunda-feira (11/4). Além de deliberar requerimentos, a Comissão ouviu especialistas sobre o tema da tecnologia.

Requerimentos

Na reunião foram aprovados dois requerimentos. Um deles, protocolado pela vereadora Cris Monteiro (NOVO), convida para o próximo encontro o secretário municipal executivo de Transformação Digital de Recife, Rafael Figueiredo Bezerra. O outro documento, do vereador Rubinho Nunes (UNIÃO), requer a participação de Wesley Lima Silva, diretor de TI (Tecnologia de Informação) da Small Sistemas.

Convidados

A Comissão de Estudos recebeu a coordenadora da Virada ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da Prefeitura de São Paulo, Malu Molina. Ela apresentou detalhes da Agenda ODS, que tem a finalidade de ampliar a conscientização e o engajamento para cumprir as metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável para 2030.

“É uma Agenda promovida pela ONU Organização das Nações Unidas, assinada por mais de 192 países, com objetivos de até 2030 a gente dar um basta nos problemas. Até porque, se não atingirmos esses objetivos até lá, o nosso planeta e as futuras gerações estarão comprometidos”, falou Malu.

Malu destacou os seis eixos prioritários da Virada ODS, que tratam da Comunicação, Inovação e Tecnologia, Desenvolvimento Econômico, Justiça, Educação e Cultura. A convidada disse que o foco é construir uma cidade sustentável, “no sentido de não destruirmos mais o planeta em que vivemos, mas que a gente consiga consumir na medida certa os recursos naturais e repô-los. E sustentável também no sentido de não deixar mais ninguém para trás, como a gente vive hoje uma crescente desigualdade de renda, entre outras formas de desigualdade e de injustiça social”.

A Comissão também ouviu o fundador da Smart Sky, Chase Olson. Voltada para a transformação digital, a empresa trabalha na busca por soluções inovadoras com o intuito de trazer benefícios para a população. Empreendedor no Brasil desde 2012, o norte-americano explicou que a tecnologia é uma ferramenta essencial para estabelecer avanços na cidade de São Paulo.

“São muitos benefícios, como, por exemplo, na área de segurança do cidadão e na eficiência da gestão, mantendo que as arrecadações e toda a parte financeira estejam mais fiéis àquilo que está acontecendo de verdade”, disse Olson.

Chase também considera interessante mapear informações da capital paulista em formato 3D (trimendisional), tornando a gestão pública municipal mais eficiente. De acordo com o convidado, com este tipo de tecnologia, é possível fazer projeções por meio de softwares que se aproximam da realidade. “Trabalhando em 3D, você acaba tendo acesso a simulações que fazem com o que o projeto escolhido seja melhor e eficiente para a cidade”.

Presidente da Comissão

No fim da reunião, o presidente da Comissão de Estudos, vereador Marlon Luz (MDB), fez considerações sobre o conteúdo exposto pelos convidados. Em relação à apresentação da Malu, o parlamentar concluiu que “smart city não é só sobre tecnologia, e sim também sobre sustentabilidade”.

Já sobre Chase Olson, Marlon destacou o mapeamento no formato 3D, que, segundo ele, poderá contribuir com o desenvolvimento da cidade. “Com isso, a gente consegue digitalmente trabalhar mais facilmente as mudanças que podem ser feitas no município. É uma tecnologia realmente surpreendente”.

Para assistir na íntegra à reunião da Comissão de Estudos para a Criação de um Plano de Cidade Inteligente (Smart City), clique abaixo:

Fonte: https://bit.ly/3JHuYXK – Câmara Municipal de São Paulo

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*

This site is protected by reCAPTCHA and the Google Privacy Policy and Terms of Service apply.